calendário

sábado, 12 de fevereiro de 2011

Breve nota sobre a história do Baldio do Corvo.

O Baldio foi tirado aos corvinos em 1970, que o utilizava gratuitamente.Foi entregue, na sequência do que aconteceu no resto do país aos Serviços Florestais, que passaram a cobrar emolumentos pela sua utilização.Indignados os corvinos, uniram-se  e em massa acabaram por expulsar os guardas.
  O 25 de Abril, não conseguiu enquadrar juridicamente o seu funcionamento e assim acentuou-se a degradação dos terrenos.
  No entanto, em 6 de Maio de 1995, o baldio foi devolvido aos corvinos.Os homens eufóricos, subiram logo à montanha e começaram por organizar a distribuição das tarefas.
  Os que possuíam menos de 5 cabeças de gado davam 3 dias de trabalho por ano, os que possuíam de cinco a dez, seis dias, os que possuíam de dez a quinze nove dias.Dias tirados ao descanso, para a recuperação da área.
  Os baldios ocupam mais de metade da terra e alimentam mais de mil vacas.
  A população participava em peso(infelizmente hoje, já não é bem assim).Lavava bebedouros, erguia cercas, limpava valas, dividia perímetros e socorria os animais.A Câmara dava o cimento e a areia necessários às obras.
  Actualmente o Baldio tem uma direcção que faz tudo para que este se mantenha no melhor.

1 comentário:

  1. Boa tarde, amigo Fernando!
    Muito obrigado pela informação, pois ainda não conhecia!

    ResponderEliminar