calendário

quinta-feira, 3 de fevereiro de 2011

A Filarmónica Lira Corvense (parte III )

Nos últimos anos da década de 1930, a filarmónica "União Musical Corvina" passou por graves divisões internas, as quais motivaram iguais  querelas entre os corvinos.Tratava-se, certamente, de um conflito de gerações, também existente numa pequena comunidade como era o Corvo nessa ocasião, composto por cerca de 650 pessoas.
  A partir daqui criou-se uma nova filarmónica, intitualada "Filarmónica Lira Corvense".Foi oficialmente criada a 4 de Novembro de 1938.
  Com a experiência já adquirida, em Setembro de 1939, participa na festa de Nossa Senhora da Ajuda, na freguesia da Fajã Grande (ilha das Flores), onde actuou ao lado da  "Filarmónica União Portuguesa da Califórnia".
  Foi assim que se iniciou-se a Filarmónica  que ainda existe actualmente, mas passando por graves problemas, quer por falta de tocadores, mas essencialmente, por motivos financeiros.

Sem comentários:

Enviar um comentário